Férias Mães com Filhos


As últimas férias foram boas demais, aquelas do tipo que pouco se posta de tanto que se curte cada momento sem celular, sem redes sociais… mas tem coisa que é tão legal que a gente precisa tirar da memória para compartilhar não é mesmo?!

Hoje quero compartilhar minhas férias “Mães com filhos” com minha amiga Gisele e seu filho Luca (amigão do Heitor e Henrique). Ela nos incluiu em suas férias com um convite inesperado para passar uma semana no litoral norte com eles. Eu nunca tinha ficado tanto tempo fora de casa, sem o marido, mas ele mesmo nos incentivou  a ir e aproveitar as férias e nós fomos!

Foi muito divertida nossa viagem. O carro cheio de criança, água, suco, lanches, um arsenal de coisas para garantir o sucesso da aventura. Ficamos numa casa da família deles em um condomínio e foi ótimo para a turminha brincar muito ao ar livre. Tinha parque, piscina, tudo ao alcance dos nossos olhos, então foi um momento de liberdade para os três pequenos aventureiros!

Fomos em várias praias ao longo da semana, mas o destaque vai para a praia de Fortaleza, localizada em Ubatuba/SP, um verdadeiro paraíso, praia linda, limpa, com direito a piscina natural, cardumes transitando pelos nossos pés e tudo isso com uma excelente estrutura.

O legal foi que nós não conhecíamos a praia. Saímos de casa planejando um outro lugar mas tivemos que mudar os planos na última hora. Naquele dia nós não queríamos fazer picnic, precisávamos de uma estrutura básica, com restaurante. Nessa hora, a internet ajudou muito! Fizemos uma pesquisa pelo google das praias da região  e lemos os comentários. A praia da Fortaleza não era a mais próxima. A maioria das praias da região eram visíveis da Rodovia, porém, a nossa eleita ficava há uns 8 km da rodovia, tinha uma serrinha que tivemos que atravessar. Por outro lado, as avaliações do local eram ótimas. Decidimos encarar a aventura e … valeu a pena! Chegando lá encontramos um estacionamento a poucos metros da areia, pudemos almoçar tranquilamente, tinha ducha…só descemos do carro com a chave e o celular e vivemos momentos maravilhosos com nossos pequenos. Muito bom passear com outra mãe, porque trocamos muita ajuda e nos divertimos muito mesmo.

No final de semana os papais desceram para encontrar a turma toda e a diversão em família fechou nossa programação, claro que repetimos o passeio em Fortaleza porque não poderíamos guardar só pra nós aquele lugar incrível! Foi maravilhoso!

Agora vou deixar algumas dicas minhas e da Gi para ida na praia com criança. Para quem tem costume pode parecer óbvio, mas para quem não tem costume, podem ser bem úteis:

  • Sempre carregar água para beber, sucos e lanchinhos (nós levamos frutas já cortadinhas numa bolsa térmica, com garfinhos descartáveis, opção super saudável, também água e sucos);
  • protetor solar é indispensável! A Gi também levou umas camisetas com proteção solar e compartilhou com meus meninos, eu amei, super recomendo, foi ótimo para eles. Além disso, bonés, chapéus e cia ajudam muito no sol super quente, faz uma sombrinha confortável na cabeça;
  • Brinquedos para areia foram um sucesso para nossos pequenos, baldes, pás, carrinhos, etc…leve sempre uma sacola para colocá-los na volta, caso não dê para lavar antes, eles não encherão o carro de areia;
  • Papel higiênico e saquinhos para colocar o lixo;;
  • Toalhas, troca de roupas, canga ou algum lençol pra forrar o chão;
  • Repelente, é muito importante, tanto na praia quanto em casa. Eu sempre ando com um de tomada que emite um som e repele os mosquitos, gosto desse porque não libera veneno no ambiente;
  • Se for com bebê, levar sempre fralda convencional porque as fraldas de usar na água molham se a criança urinar no carro, por exemplo, são apenas para usar na água;
  • Água para se lavar (caso não encontre uma ducha…) – dá pra encher umas garrafas pets, dá super certo.
  • Quando ia com bebê pequeno, levava daquelas piscininhas pequenas infláveis, porque dá pra encher com água limpa e deixar o bebê brincando sem problemas, ou também pode encher com água do mar e deixar a criança brincar sem ondas e conchas (tem bebês que não gostam de ficar na areia…);
  • A Gi tem um kit praia super completo, com guarda-sol, todo tipo de bolsa térmica, tem até um carrinho de guarda-sol! É máximo! Cabe  mais que guarda-sol, dá pra colocar os brinquedos, cadeiras, bolsa, tudo! É muito bom no caso de um local sem estrutura, sem quiosques que forneça mesa e guarda-sol, dá pra carregar tudo com apenas uma mão e a outra fica livre para segurar a criança! Eu não tenho todo esse aparato, mal sei abrir o guarda sol, então sempre procuro uma boa sombra ou um quiosque que já tem guarda-sol porque fica mais fácil;de qualquer modo, amei estar com uma amiga tão preparada para qualquer situação!
  • Procure um estacionamento sempre o mais próximo possível de onde pretende ficar na praia para não ter que descarregar tudo de uma vez. Deixando o carro perto, quando precisar de uma água, uma fruta basta ir no carro sem ter que carregar tudo nas costas… eu particularmente gosto de ficar o mais livre possível para aproveitar o passeio desapegada das coisas.

Quero compartilhar também uma dica que vi quando voltei da viagem, em algum lugar do YouTube (nao lembro agora qual!) e achei sensacional: talco para tirar a areia dos pés! Muito boa essa dica, porque na saída da praia a gente se lava, limpa tudo e até chegar no carro os pés ficam cheios de areia outra vez! Molhar mais só piora a situação, aí entra o talco que seca toda a areia  com um pano ou até mesmo com as mãos fica tudo limpinho e ainda cheiroso!

Para finalizar,  a maior dica que quero deixar é que é possível viver muitas aventuras e fazer passeios maravilhosos com crianças pequenas. Dá um trabalho, tem que carregar coisas demais sim, vem o cansaço…mas tudo bem. Cada momento vivido com nossos filhos não tem preço, eles são presente de Deus e essa fase da infância é passageira, logo acaba. Há quem evite fazer viagens e passeios com os pequenos – e eu respeito muito a decisão de cada pai e mãe, mas se não aproveitar não adianta reclamar no futuro. Além disso, tudo na vida é questão de aprendizado, pais e filhos vão aprendendo a lidar com cada situação e vão estabelecendo seu modo de fazer as coisas e isso é muito bom. Quando não temos filhos fazemos as coisas de um jeito. Com a chegada das crianças, fazemos as mesmas coisas de um jeito novo, adaptado, mas que pode ser tão ou mais legal do que antes, depende da disposição de cada pai e mãe em fazer as coisas darem certo. No caso de viagens e passeios, se não fizer não haverá este tipo de aprendizado. No meu caso, nunca tinha viajado sem o papai junto, dando todo suporte, mas enfrentar a situação me deixou mais confiante, dei conta! Eles amaram e eu também. Então aproveite e pense em algo muito bom e divertido para fazer com aquela pessoinha que ama fazer tudo junto com você, tenho certeza que haverão desafios mas as recompensas valem a pena!

The following two tabs change content below.

Cibele Bilancieri

Sou cristã, tenho 37, sou guarulhense e atualmente vivo na Moóca. Casada com Guilherme, mãe do Heitor #aos 4 e Henrique #1ano. Sou feliz por poder cuidar pessoalmente dos meus filhos.

Latest posts by Cibele Bilancieri (see all)

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *