A Megera Domada e teatro para pré-adolescentes

Eu tinha me esquecido o tantooo que gosto de teatro! Fui com o Gustavo assistir o musical “A Megera Domada” a convite do Teatro Porto Seguro e foi uma noite realmente deliciosa. Primeiro, pela oportunidade de um raro passeio apenas com meu primogênito. Ele adorou o momento “filho único” e foi bom curtir, conversar e dar atenção sem ter que ficar correndo atrás da pequena.

Segundo, porque o teatro é lindo. Gu não parava de olhar para todo canto e disse “mãe, que lugar mais chique, hein?”. Apesar de ter sido inaugurado em 2015, eu ainda não conhecia e adorei tudo, a localização fácil, a conveniência do estacionamento, as poltronas confortáveis (creio que de todos os lugares da plateia temos uma bela visibilidade do palco), o Gemma Café que traz algumas opções básicas de salgados, quiches e bebidas para quem chegar faminto e, ainda, o desconto de 50% para clientes Porto Seguro em todos os ingressos e, claro, no estacionamento.

O musical agradou em cheio o meu menino de 8 anos. Ele riu muito, se identificou com a “turma dos meninos” e se emocionou em diversos momentos. No começo, estranhou ter música toda hora, mas depois curtiu, entendeu o “estilo” da peça e saiu cantarolando de lá.

Da minha parte, fiquei encantada com a voz da protagonista e o preparo de atuar/cantar/dançar sem perder o fôlego. E, também, com as belíssimas atuações com sapateado. São 30 atores e atrizes na faixa dos sete aos dezessete. Muito fofo!

O musical é uma adaptação da peça de William Shakespeare e toda a história se passe em um divertido e inusitado dia na escola, bem o universo dos pequenos. Super recomendo para levar as crianças!

Sinopse

Catarina é uma garota bonita, mas possui uma personalidade forte. Seu jeito insensível assusta os garotos que a evitam por ser considerada muito durona, uma verdadeira megera. Já Bianca, sua irmã, é o oposto. Meiga e sensível, ela é a garota mais desejada da Escola WS. Mas o pai das meninas orientou Batista, o irmão mais velho, a não permitir que Bianca namorasse antes de Catarina. E é aí que está o dilema, pois nesse conflito, surge Petrúquio, um garoto do interior que acabou de chegar na escola e aceita a difícil missão de conquistar a megera. Será que ele vai conseguir?

The following two tabs change content below.

Viviane Koyama

Vivi Koyama, apaixonada por ser mãe do Gustavo #aos7 e da Melissa #1ano. Tenho 39, sou RP, adoro livros, escrever, viajar, sonhar acordada, ouvir música, assistir séries, bater papo - tudo que faço bem menos do que gostaria. Já fui bem mais conectada, estou em uma fase de valorizar os momentos offline e de sentir uma gratidão imensa pela vida. Deus é maravilhoso!

Latest posts by Viviane Koyama (see all)

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *