Que idade as crianças da sua família passaram a usar sabonetes e cremes de adulto?

Shantala, a massagem do bebê, hidratantes e banho com sabonetes especiais.

Que idade as crianças da sua família tinham quando perderam estes detalhes?

Por ser mais fina que a pele do adulto, os bebês só devem ser expostos a produtos feitos especialmente para eles. E o hidratante dos pais deve passar bem longe das crianças, sabiam?

“Deve-se usar hidratantes específicos para a idade, que passaram por estudos com aprovações das substâncias utilizadas nas fórmulas e um pH mais fisiológico. Isso porque a absorção cutânea é diferente, havendo mais riscos de toxicidade e alergias”, alerta a dermatologista Caroline Assed Saad, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD).

Tenho “blog de mãe” desde 2005 e modero grupos de pais desde o (finado) Orkut, então eu não raro eu descubro que famílias que passam por problemas de alergia de pele nas crianças deixaram de tomar alguns cuidados quando eles crescem. Passam a usar shampoos e sabonetes de adultos, nunca usam hidrantes na pele dos pequenos (ou dos meio crescidinhos) e só usam filtro solar na praia!

A criança começa a ficar com a pele seca, rachada, coça sem parar. Os pais levam ao dermatologista e descobrem uma dermatite atópica.

A dermatite atópica é um tipo de alergia de pele, uma doença crônica que atinge principalmente as crianças. A pele fica com manchas avermelhadas que coçam e ardem. Ela também pode ter rachaduras, descamar e até sangrar. O tempo seco e frio pode ser o motivador desta alergia grave. Esta reportagem explica um pouco. 

A dermatite atópica geralmente se desenvolve na infância e é mais comum em pessoas que têm histórico familiar da doença. O principal sintoma é uma irritação na pele que, normalmente, aparece nos braços e atrás dos joelhos, mas também pode ocorrer em qualquer lugar. O tratamento inclui evitar sabão e outros agentes irritantes. Alguns cremes ou pomadas também podem aliviar a coceira.
A dermatite atópica geralmente se desenvolve na infância e é mais comum em pessoas que têm histórico familiar da doença. O principal sintoma é uma irritação na pele que, normalmente, aparece nos braços e atrás dos joelhos, mas também pode ocorrer em qualquer lugar. O tratamento inclui evitar sabão e outros agentes irritantes. Alguns cremes ou pomadas também podem aliviar a coceira.

No geral, a pele das crianças não apresenta áreas mais espessas, como pés, joelhos e cotovelos, a exemplo do que acontece com os adultos. Assim, os cuidados básicos com a escolha correta dos produtos e com o banho costuma ser o suficiente. 

Eu herdei da vó materna e da mãe pele que, além de seca, é extremamente sensível. Então, pelo hábito de cuidar da minha pele, sempre cuidei dos meus filhos.

Admito que os meninos (homens feitos hoje) não aceitam bem cremes depois que cresceram, mas a partir da puberdade deles eu sempre busco sabonetes com algum hidrante (o Dove Men é um dos bons, mas também há ótimos na linha Natura Ekos) e insisto em dois detalhes: evitarem banhos muito quentes e usarem filtro solar no cotidiano.

Sol e filtro solar: é importante criar o hábito de cuidar da pele

O banheiro que os filhos dividem tem banheira de hidromassagem, então também consigo incluir óleos ou sais de banho na rotina.

 

Já tratamos crises de dermatite atópica com a linha de cremes Stelatopia, da Mustela, que recomendo sempre. Usei a marca para minha caçula desde que nasceu e, aos 5 para 6 anos, ainda é a que ela usa para banho e hidratação pós banho, pois a loção hidratante com 97% de ingredientes naturais me agrada muito. A linha tem formulação hipoalergênica de alta tolerância, sem álcool, parabenos, ftalatos, fenoxietanol ou outros ingredientes questionáveis e, uma coisa que aprecio, não tem perfume muito forte.

View this post on Instagram

Dante, o elefante, a baleia Leia e a ovelha Ofélia chegaram aqui há alguns dias e já foram incorporados à rotina da pequena #aos5. E isso não é #publipost da @mustelabrasil, é uma dica de #maedealergico mesmo. Temos insistido no uso dos produtos de higiene pessoal “para bebês” e posso contar que neste inverno a #dermatiteatopica não deu as caras por aqui! Que beleza! 🙂 E aí, que produtos você usa nas crianças? Deixe sua dica também! http://www.maecomfilhos.blog.br/2018/10/hidratante-infantil.html #familiaetudo #maecomfilhos #mãesreais #momblogger #colunistasmaecomfilhos #mãescristãs #maesepaiscomfilhos #mãedeadolescente #mãedemenina #mãedemeninos #attatchmentparenting #criacaocomapego #maede3 #paternidadeativa (por @samegui 👩‍👦‍👦mãe dos nerds #aos18 e #aos15👩‍👧e da pequena #aos5) 😘

A post shared by Blog @maecomfilhos (@maecomfilhos) on

 

Há outras linhas? Claro! Talvez você indique a que usa (e eu agradeço muito se o fizer!), mas como aqui tivemos alergias graves, essa é a minha escolha.

Meu filho mais velho tem alergia ao perfume dos produtos Johnson’s Baby, pode? Pode! Eu adoro a marca, mas ele não pode usar, hoje eles usam Dove Men e eu tenho graves alergias a Dove, também provavelmente ao perfume, vejam só!

E sobre a Dove, vocês viram esta campanha deles?

View this post on Instagram

#Repost @marcosmion Muito bom contar com a sua presença @marcosmion na campanha #QueridoFuturoPai Esperamos que por meio dela mais pais possam passar mais tempo com seus filhos!! Compartilhem usando a #QueridoFuturoPai • • • • • Nesse dia dos pais fui convidado por @dovemencare_br para dar início a campanha #QueridoFuturoPai ❤ . Uma campanha que luta pelo direito à licença-paternidade para todos os pais do mundo. Dá o play no vídeo que eu explico tudo e vc vai ver o quão nobre é esse movimento que eles estão fazendo! – Para que realmente aconteça uma corrente eu convido o meu parceiro @henrique_fogaca74 a participar e divulgar essa campanha! . Mas não só ele, todos os pais e futuros pais podem aderir! Assim a gente vai conseguir que mais pais possam passar mais tempo cuidando do que realmente importa, seus filhos!

A post shared by Dove Men +Care BR (@dovemencare_br) on

E essa da Natura?

View this post on Instagram

🙌🏻 A @NaturaBrOficial nos convidou a participar do movimento #PapaieBebê e eu não poderia concordar mais! A ação propõe um novo olhar do que é ser pai nos dias de hoje e o @fernandoferrazjr, pra mim, é um grande exemplo disso. 💖 Somos parceiros em tudo e quem acompanha a gente sabe, dividimos todas as tarefas que envolvem a criação da Alicia. Mas vocês já notaram que ao sair de casa, a responsabilidade de trocar o bebê quase sempre é da mãe? Pensando nesse conceito de paternidade ativa, a @NaturaBrOficial irá doar trocadores para banheiros masculinos em diversos restaurantes, por todo o Brasil! Nós queremos que a @brazpizzaria entre nessa e convidamos também o papai Léo Feck @leopaidosbe a participar desse movimento com a gente! Comentem ai com #PapaieBebê + @ do restaurante da sua cidade que você quer que receba o trocador no banheiro masculino também! 👏🏻👏🏻👏🏻👶🏻 #regram @tacielealcolea

A post shared by Natura oficial (@naturabroficial) on

 

The following two tabs change content below.

Sam Shiraishi

Cristã, jornalista, mãe de Enzo, Giorgio e Manuela, casada com Guilherme. Paranaense que caiu de amores pela Mooca em 2005. Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena.

Latest posts by Sam Shiraishi (see all)

Comments

comments

3 Replies to “Que idade as crianças da sua família passaram a usar sabonetes e cremes de adulto?”

  1. Ai Sam, confesso que aqui sou uma “menas” mãe em cuidados com a pele (minha e do Gu). Eu raramente uso hidratante e meu único cuidado é lavar o rosto com sabonete apropriado e usar filtro solar todo dia. Já com ele, nem o filtro solar diariamente.. só na praia/piscina/parque. E a pele dele é super sensível… a pediatra pega no meu pé, eu compro os produtos, e no dia a dia ele acaba usando raramente o hidrante e a pomada recomendada para as partes ásperas. Mas sabonete e shampoo sempre comprei os específicos para a idade! Começamos a usar recentemente o Dove, por indicação médica, para a pele dele ter um pouco mais de hidratação. E pensando aqui que talvez óleo para banho seja uma saída para ficar mais fácil dele (e nem eu) esquecermos o creme hidratante.

    1. Menino é bem mais complicado, né, Vivi? Até pela cultura machista, que os força a serem mais durões.
      Aqui um filho se cuida, o outro não, e surge um bullying tipo “seu metrossexual” cada vez que o menino fica mais cheiroso!
      O sabonete com hidrante ajuda, mas do filtro solar (e boné) não dá para abrir mão, amiga <3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *