Dica de brinquedo: Talking Microscope

Como incentivar a curiosidade científica nos pequenos?

Tem vários caminhos e o mais valioso é o que não limita a criança.

Oferecer um microscópio é excelente – esse da foto tem lâminas e um quiz sobre os elementos delas, um presente muito legal que Manu ganhou dos padrinhos no aniversário de 4 anos.

Ter um mapa-múndi na parede incentiva – esse é a decoração do quarto da pequena desde que ela nasceu.

O grande diferencial está na forma como reagimos, interagimos e participamos das descobertas, das hipóteses científicas, das frustrações e dos sucessos dos “empreendimentos”.

Meus filhos mais velhos tiveram outra versão de microscópio que, admito, eu não lembro para quem demos quando eles cresceram. Como tem uma diferença grande de idade entre os irmãos, muitos brinquedos foram para amigos, primos e projetos sociais antes de chegarem na pequena.

 

Enzo ganhou com 6 anos e era mais delicado, exigia mais a minha presença para usar. O da GeoSafari é mais caro por ser importado, mas minha filha ganhou com 4 anos e mesmo naquele uso de criança pequena (que não tem tanto cuidado) nunca estragou em nada.

Nesta terceira oportunidade (risos) de ser mãe #pequenoscientistas eu confirmo que estar junto (mas sem pressionar ou conduzir) é tão ou mais valioso do que oferecer insumos caros.


Ah, e na lâmina dessa imagem, uma traquinagem de Manu que nos fez rir e sorrir: ela cuspiu para olhar a própria saliva!
(Jesus amado, que menina!)

Gostou?

Minha filha tem também umas lâminas extras que fazem parte dos temas abordados pelo programa O ônibus mágico, da Netflix, que eu já indiquei no blog.

Originalmente exibido entre 1994 e 1997, o desenho acompanha uma professora que leva sua turma para descobrir e aprender ciência através de um ônibus com tecnologia de ponta.  Quatro temporadas da série antiga também estão disponível na Netflix. Nela, Frizzle e seu ônibus mágico convidam para embarcar em aventuras no espaço, no fundo do mar, dentro de um formigueiro e até mesmo dentro do corpo humano!

O Ônibus mágico decola novamente e chega à Netflix

 

The following two tabs change content below.

Sam Shiraishi

Cristã, jornalista, mãe de Enzo, Giorgio e Manuela, casada com Guilherme. Paranaense que caiu de amores pela Mooca em 2005. Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena.

Latest posts by Sam Shiraishi (see all)

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *