Melhores de 2017 para o Lucas #aos10: dicas de livros, passeio e brinquedos

Nós do @macomfilhos, consumimos livros, passeios, brinquedos, roupas, comida boa e tantas outras coisas. O blog não é sobre isso, mas, no final do ano, quando recebemos perguntas de tios, padrinhos e avós sobre “qual o melhor presente para essa idade?”, a gente se reuniu e fez uma pequena lista com o que mais agradou nossos pequenos em 2017.

Eis minhas dicas contando o que agradou Lucas, #aos10, neste ano. 

Livro:

Irei indicar três séries de livros que fizeram muito sucesso aqui este ano.

Os Karas – Este ano a maior paixão foi Pedro Bandeira. Lemos a Droga da Amizade (ganhou fora de ordem), A Droga da Obediência e estamos lendo Pantano de Sangue. Ainda tivemos um dia muito divertido na Bienal com o encontro muito especial com o autor Pedro Bandeira.

Indico a série toda Os Karas – A Droga da Obediência (1984), Pântano de Sangue (1987), Anjo da Morte (1988), A Droga do Amor (1994), A Droga de Americana (1999) e A Droga da Amizade (2014).

 

Os Invencíveis – Para quem está estudando o Império e mora ou vai visitar o Rio de Janeiro, indico também a série Os Invencíveis. Tem uma pegada parecida com Os Karas, um grupo de amigos que desvenda mistérios, mas a série mistura história do Brasil e muitos pontos importantes do Rio (incluindo Petrópolis em um dos livros).

E por último O Pequeno Nicolau. Ele descobriu este também na Ciranda da escola e a turma toda amou. As histórias são curtas e engraçadíssimas!

Passeio:

Este ano retornamos a Petrópolis. Durante o quarto ano ele estudou o período colonial, a influência do Império e o Brasil República. A visão dele do Museu Imperial foi bem diferente desta vez.

Também passamos pela Casa de Santos Dummont e tanto ele, quanto meu sobrinho de 14 anos, ficaram muito impressionados com suas invenções. Foi um dia muito agradável!

Essa foi a residência de verão de Alberto Santos Dumont, Pai da Aviação, sendo conhecida como “A Encantada”.

O museu conta com acervo de objetos, livros, cartas e mobiliário que pertenceram ao inventor, bem como o chuveiro e a escada de entrada, com degraus que só se pode acessar começando com o pé direito. No Centro Cultural 14 Bis, anexo à Casa, pode-se assistir a um curta metragem sobre Santos Dumont. O espaço tem acessibilidade e maquetes táteis para atender às necessidades das pessoas com deficiências e/ou com restrição de mobilidade.

Brinquedos:

O maior sucesso este ano foi o patinete. Na verdade ele ganhou no Natal da tia-avó e foi usado para brincar na praça, ir na escola e até no shopping quando precisa me acompanhar. Aceitou muitas vezes ir fazer compras comigo só para usar o patinete.

Descobrimos este ano o jogo de tabuleiro Smash Up. Fez muito sucesso por aqui. Prometo escrever um post sobre ele.

The following two tabs change content below.

Anamaria Mendes

Anamaria Mendes, 44 anos, mãe do Lucas, #aos10. Profissional multipotencial. Criativa por natureza, formada em design gráfico, pós-graduada em marketing, ama as duas áreas com a mesma intensidade. Apaixonada também pelos temas maternidade e educação. Adora conhecer e interagir com pessoas diferentes e aprender com cada contato. Está sempre criando novas formas de conciliar maternidade e vida profissional. Colaboradora do canal de YouTube FunToysBrinquedos, criado por seu filho e hoje produzido em família para motivar o brincar. Compartilha um pouco disto tudo no Instagram e Twitter @MaeMaluquinha.

Latest posts by Anamaria Mendes (see all)

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *