Como me tornei vilão e outras histórias na Casa das Rosas

As crianças que ouvem histórias desenvolvem a imaginação, descobrem o mundo e fortalecem o potencial para pensar e questionar.

Pensando nisso, a Casa das Rosas – Espaço Haroldo de Campos, instituição da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, gerenciada pela Poiesis, apresenta a peça de teatro Como me tornei vilão, que procura desconstruir os modelos tradicionais de heróis e vilões dos contos infantis.

A atividade acontece no dia 24 de setembro, domingo, às 15h. Além disso, realiza duas contações de histórias, em outubro e novembro.

E, no Dia das Crianças, 12 de outubro, às 15h, promove a visita temática De mapa na mão e tempo na cabeça. No passeio lúdico, os pequenos e familiares percorrem o museu em busca de pistas que contam o uso da casa literária ao longo do tempo. As atividades são gratuitas. A Casa das Rosas integra a Rede de Museus-Casa Literários da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, gerenciados pela Poiesis. Confira a programação:

COMO ME TORNEI VILÃO

Por Núcleo de Aprofundamento Vicky Bastos | Direção: Rafael Masini

Domingo, dia 24 de setembro, às 15h

A peça, criada e encenada por jovens, com a direção de Rafael Masini, procura desconstruir com humor os modelos tradicionais de heróis e vilões dos contos infanto-juvenis. A partir de um eclipse na floresta, os personagens revelam facetas surpreendentes. Como diz o Lobo, “criança é amiga e não comida”.

VISITA TEMÁTICA: DIA DAS CRIANÇAS | DE MAPA NA MÃO E O TEMPO NA CABEÇA

Por Núcleo Educativo da Casa das Rosas

Quinta-feira, 12 de outubro, às 15h

Agendamento pelo e-mail educativo@casadasrosas.org.br ou presencialmente na recepção da Casa a partir de 15 de setembro | 15 vagas | Duração: 1h30

Nesta visita lúdica, as crianças e seus familiares percorrerão o ambiente com um olhar atento ao passado e ao presente, buscando pistas do uso do edifício da Casa das Rosas anteriormente como moradia e hoje como museu.

CONTAÇÃO DE HISTÓRIA | IZANAGUI E IZANAMI, A ORIGEM DO MUNDO

Por Letícia Chiochetta (Poesia no Espaço)

Domingo, 22 de outubro, às 15h

A história apresenta o mito da origem do mundo segundo a visão japonesa. Na história, o casal de deuses Izanagi e Izanami criam os deuses mais famosos e populares do Japão, bem como as ilhas, mares, vegetações, os humanos e o arquipélago japonês.

CONTAÇÃO DE HISTÓRIA | CHOVE CHUVA CHOVERANDO…

Por Agrupamento Teatral

Domingo, 26 de novembro, às 15h

Narrativa inspirada no poema “Solidão”, de Oswald de Andrade, na qual as palavras e sonoridades traduzem os sentimentos do poeta em relação a cantos poéticos da cidade de São Paulo.

The following two tabs change content below.

Sam Shiraishi

Cristã, jornalista, mãe de Enzo, Giorgio e Manuela, casada com Guilherme. Paranaense que caiu de amores pela Mooca em 2005. Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena.

Latest posts by Sam Shiraishi (see all)

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *