Cães e gatos podem consumir doces?

Açúcar em excesso faz mal aos cachorros da mesma forma que faz ao ser humano

Lá em casa, Billy come basicamente ração e alguns petiscos. Evitamos ao máximo dar outros tipos de alimentos e, às vezes, ele come frutas, mas não gosta muito! Se for para comer algo sem ser ração, ele prefere carne e quando vamos na casa do meu pai, ele se fica sendo mimado por todos.

Na hora do café, ele fica com cara de coitado e minha vó dá um pedacinho de pão para ele. É sempre muito claro quando ele come besteiras demais, porque o intestino dele fica uma bagunça. Tomamos cuidado para não deixar ele comer migalhas demais do chão e também controlamos a alimentação em casa. E uma coisa que eu, confesso, só descobri depois de ficar integralmente com o Billy em casa: animais não podem comer chocolate!

“O chocolate é tóxico para cães e também gatos. A substância chamada teobromina, presente no cacau, pode causar intoxicações, vômitos e diarreia”. (Marcello Machado, veterinário da Total Alimentos)

Mas será que cachorros podem consumir doce?  Podem! Mas precisam ser de fonte natural de açúcar como frutas – maçã e mamão, por exemplo – e vegetais como cenoura ou batata doce. Alguns desses ingredientes podem até ser encontrados em rações. “O açúcar pode trazer inúmeros problemas, principalmente obesidade e a rejeição futura de alimentos adequados para a saúde do animal”, diz o veterinário Marcello.

 

Os cães possuem menos papilas gustativas que seres humanos. Saber disso é essencial, assim não nos enganamos achando que os cachorros estão com vontade de algo, porque eles sentem os sabores com menos intensidade que a gente. E se você tem gatos em casa, fica a dica: ao contrário de cães, os gatos sequer tem interesse por doces. Eles não tem capacidade de sentir esse sabor e mesmo tendo sido domesticados, os gatos são carnívoros restritos.

Atenção redobrada nessa Páscoa, pessoal! Nada de deixar seu animal de estimação comer “só um pouquinho” de chocolate. Os animais não sentem a mesma necessidade que a gente, é importante saber respeitar isso. Cuidar dos nossos animais é também uma forma de amar 🙂

(Com informações de Total Alimentos: www.totalalimentos.com.br)

The following two tabs change content below.
Sara Martinez, 30 anos, Jornalista, cristã, “mãe” do cachorrinho Billy. Escreve sobre o amor que sente por São Paulo no @pelocentro, onde compartilha dicas da cidade juntamente com sua irmã. Gosta de desenhar palavras coloridas no @fasesinfrases. É maratonista profissional de seriados no Netflix, inscrita em mais canais do que consegue assistir no YouTube e leitora apaixonada. No Twitter e Instagram: @sarafcmartinez.

Latest posts by Sara Martinez (see all)

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *