A história da sua vida em publicações exclusivas

Quando nasce um filho, um sobrinho, um neto, nasce também o desejo de registrar momentos que serão eternizados junto a família, não é mesmo?! Eu costumo materializar esse “sonho” através de fotografias e fotolivros, com legendas e textos curtos em que reforço o quão especial foi determinada passagem, dia ou encontro. E assim, ao folhear os fotolivros, como na foto abaixo, no último aniversário do meu filho, as pessoas se “encontram” em cenas de histórias reais e se emocionam lembrando, revivendo.

#Famíliastica - festa de família - arquivo pessoal - amigos curtindo fotolivros e llembranças de infância #famíliastica
#Famíliastica – festa de família – arquivo pessoal – amigos curtindo fotolivros e lembranças de infância

Enfim, nesse ritmo de histórias, resgates, produções de memórias e lembranças, sigo eu com meus fotolivros, mas tenho sabido de iniciativas muito especiais como os livros da Turma da Monica, em que a criança pode virar personagem de uma história pré-determinada, o que já achei simpático como presente de aniversário, por exemplo, mas o mais interessante, o projeto “A história da sua vida”.

Em setembro de 2016, a escritora e publicitária Claudia Naoum decidiu se aventurar no universo literário infantil e lançou esse projeto (www.ahistoriadasuavida.com.br) visando transformar em livro a história de vida de uma criança através da narrativa de seus familiares. Super criativo, não acham?!

Cada publicação é exclusiva, uma vez que a narração é desenvolvida com base em entrevistas feitas com um ou mais familiares e/ou amigos das relações do homenageado.

A proposta inovadora rendeu muitas encomendas à Claudia. Porém, uma vez que o processo de produção do livro leva tempo, justamente por se tratar de uma história completamente personalizada, a autora acaba de lançar outro livro customizado para atender à demanda.

O Vale Dos Nomes Perdidos” também tem proposta inédita na literatura infanto-juvenil nacional. Ele conta a história de uma criança que perdeu o próprio nome e se joga em uma aventura para encontrar e reunir cada letra perdida.

No site da publicação é possível selecionar o sexo da criança, escrever seu nome e ter acesso à versão online da história. Embora a premissa da história seja a mesma, a narrativa varia de acordo com o nome de cada criança. O público alvo são crianças entre dois e seis anos e a proposta é estimulá-las à leitura de forma lúdica e interativa. Então, a proposta tem mérito e nós apoiamos!

Visitem o site que é bem ilustrativo é fácil de navegar. Eu já passei por lá e estou planejando minhas encomendas!

 

The following two tabs change content below.
Paranaense de coração, vivendo há 10 anos na conexão Rio/Niterói. Sou Relações Públicas, especialista em gestão de pessoas. Abraço a maternidade em tempo integral na minha jornada como mãe do @guri_feliz #aos9 e do @guri_valente #aos4. Fotógrafa nas horas livres e paparazzi dos filhos, também amo cinema, sou muito fã da cultura pop, quadrinhos e seriados de TV. Com Caio e Vicente inventamos muito #lazercomfilhos e artes de um modo geral! E se sobra tempo, a gente se joga nas viagens...

Latest posts by Tiffany Stica (see all)

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *