A Flor Amarela: espaço da criança na Biblioteca Mário de Andrade

flor_bonomi_poema_5

Em seus 90 anos a Biblioteca Mário de Andrade nunca voltou seu olhar para o público infantil.

Na atual gestão da biblioteca que é uma das referências paulistanas, a discussão sobre isso veio à tona e essa questão incômoda culminou em uma campanha de crowdfunding para a construção de um espaço dedicado a criança.

É com imensa alegria que o Mãe Com Filhos aceita o convite para apoiar e divulgar a campanha para efetivação do espaço especialmente voltado para o desenvolvimento de atividades que estimulem a criatividade e a imaginação infantil.

Em uma iniciativa inédita, a BMA está lançando uma campanha de arrecadação de recursos que possibilite a construção de um espaço adequado às necessidades específicas das crianças. Para que essa sala se torne realidade, contamos com a sua participação!

Nossa grande homenageada será a escritora Cecília Meireles. “Não sei se brinco, não sei se estudo”, perguntava-se a poeta em Ou isto ou aquilo, obra fundamental da literatura infantil, cuja simplicidade e beleza foi capaz de captar a essência da infância.

Com A Flor Amarela, e inspiradas pela poeta, as crianças não terão mais que escolher se farão “isto ou aquilo”.

Elas poderão fazer de tudo!

 

Sobre a biblioteca:

Localizada no centro de São Paulo, a BMA recebe mais de 2500 pessoas por dia, entre as áreas de acervo, os espaços de convivência e as atividades de sua rica e diversificada programação cultural. Sendo a única na América Latina a oferecer esses serviços 24h por dia, a Biblioteca voltou a ser ponto de encontro dos paulistanos, tanto adultos quanto crianças.

A atual programação infantil vem atraindo muitos pequenos para divertidas tardes de música, teatro, brincadeiras e arte. Ter uma área especialmente destinada a essas atividades estimularia cada vez mais as crianças a frequentarem a Biblioteca, contribuindo para seu pleno desenvolvimento cultural.

O espaço oferecerá também a possibilidade aos pequenos de desfrutarem de um ambiente adequado para acolhê-los com conforto e segurança – dotado de móveis especialmente projetados e câmeras de vigilância – durante o tempo que seus pais estiverem utilizando a Biblioteca.

Perfeito, muito Mãe com filhos, concordam?

Então, contamos com sua ajuda para divulgar e, por que não, copiar esta ideia para criar infinitos espaços para #pequenosleitores pelo Brasil!

Vai lá: https://www.kickante.com.br/campanhas/a-flor-amarela

The following two tabs change content below.

Sam Shiraishi

Cristã, jornalista, mãe de Enzo, Giorgio e Manuela, casada com Guilherme. Paranaense que caiu de amores pela Mooca em 2005. Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena.

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *