Nostalgia de infância: Bolo Formigueiro

Bolo bom é o que quase não deixa vestígios, né? 

Segundo esse critério, o Bolo Formigueiro que fiz para animar a semana de provas dos filhos estava perfeito.

Sabor de infância garantido, com certeza.

Vocês lembram da receita? Reduzi o açúcar na minha e ficou mais leve.

🙂

Vejam como repetir:

Comece 3 ovos, separe em bacias diferentes e bata as claras em neve. Reserve.

Junto das gemas, coloque 1 xícara de açúcar e 3 colheres de margarina (pode ser manteiga) até ficar um creme claro e fofo.

Acrescente 1 xícara de leite e, aos poucos, com a batedeira funcionando, 2 xícaras de farinha de trigo. Em seguida, sem batedeira, só com uma boa colher, misture à massa, com cuidado 1 colher (de sopa) de fermento em pó. Mescle delicadamente (sem batedeira também) à massa as claras em neve – elas é que fazem o bolo crescer fofo e consistente. Finalize com as “formigas” que são o granulado (de brigadeiro comum) . Eu usei a olho, até ficar bonito!

🙂

Essa massa é suficiente para uma forma de 30 cm de diâmetro ou duas menores. Não fica muito bom em forma alta (tipo de pudim, com furo no meio). 

Asse em forno médio por 30 a 40 minutos, até as bordas começarem a ficar marrom claro ou o cheiro te garantir que está na hora de comer!

😜

Bom apetite e uma tarde saborosa em família!

The following two tabs change content below.

Sam Shiraishi

Cristã, jornalista, mãe de Enzo, Giorgio e Manuela, casada com Guilherme. Paranaense que caiu de amores pela Mooca em 2005. Quarentona assumida, me sinto uma representante legítima da minha geração e, por que não, um modelo para as mais jovens que desejam envelhecer sem deixar de lado os pequenos prazeres da vida, da comida, da diversão, dos cuidados com a saúde e a beleza, das relações pessoais que fazem tudo valer a pena.

Latest posts by Sam Shiraishi (see all)

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *