Semana Mundial do Brincar: Devemos à criança a liberdade para agir

Estamos participando da Semana Mundial do Brincar (SMB), promovida pela Aliança pela Infância com o objetivo de difundir a importância do brincar. Realizado desde 2009, o evento é uma extensão do Dia Mundial do Brincar, celebrado em 28 de maio.

Neste ano, a SMB conta com a parceria institucional da organização Terre des Hommes e o apoio oficial de OMO, em seu movimento #LivreParaDescobrir. 
Para mim, confesso, o brincar ganhou um olhar novo e precioso depois que fiz parte da divulgação no Brasil da iniciativa “Se Sujar Faz Bem”, uma causa promovida por OMO e que me ensinou uma novidade: os pais não devem criar brincadeiras, orientar as atividades nem monitorar nada. Devem deixar que a brincadeira seja livre e desestruturada. Ou seja, devemos à criança a liberdade para brincar, coisa que tem se perdido nas ultimas décadas. 

A Aliança pela infância é um movimento pelo respeito à essência da criança e ao tempo da infância.

Gosto da defesa da campanha: 

As crianças precisam de brincadeiras que lhes permitam explorar e experimentar em abundância, sair e se sujar, porque são essenciais para que descubram, aprendam e se desenvolvam de forma saudável. Em parceria com pais, educadores e especialistas em desenvolvimento infantil, estamos investigando as melhores maneiras de estimular as crianças a brincar, explorar e se sujar todos os dias, para que possam descobrir, aprender e se desenvolver em todo o seu potencial.

E tem fundamentação, além da parte comercial da marca?

No Brasil, por meio do movimento #LivreParaDescobrir, a plataforma www.SeSujarFazBem.com.br tem a consultoria de Priscila Cruz e Vital Didonet, além das parcerias com Slow Kids e Aliança Pela Infância, na Semana Mundial do Brincar.

Como a Aline contou no seu post, além das atividades lúdicas, durante a SMB também são realizadas rodas de conversas, palestras e mobilizações para fomentar reflexões sobre o brincar na infância. Várias organizações já se engajaram na SMB 2016 e promoverão atividades. O SESC, por exemplo, terá uma programação especial em todo estado de São Paulo.

No site da Aliança pela Infância é possível conferir alguns destaques de programação. Em 2015, cerca de 200 mil pessoas participaram da SMB em todas as regiões do Brasil. Foram realizadas atividades em 178 municípios de 23 Estados brasileiros.  A organização atua para inspirar e oferecer experiências, por meio de produção e disseminação de conhecimentos, compartilhamento de saberes e por vivências significativas que valorizem o ABCD da Infância – aprender, brincar, comer e dormir – como base de uma vida plena e cheia de encantamento. Para isso, atua em rede, com seus núcleos, com pessoas e com a sociedade civil organizada.

Na Semana Mundial do Brincar, seu papel é articular parcerias, pautar as discussões e atividades e dar estímulos conceituais e de conteúdo para que organizações, gestão pública e pessoas possam desenvolver atividades de brincar em todo o Brasil nesse período, de modo que estas se tornem também mais frequentes ao longo do ano.

Curta a página da Aliança pela Infância no Facebook e acompanhe as novidades sobre a SMB 2016: www.facebook.com/aliancapelainfancia.

Sobre a

The following two tabs change content below.

maecomfilhos

Latest posts by maecomfilhos (see all)

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *