#Bicicultura2016 reúne ampla programação infantil em SP neste feriado

As crianças têm programação garantida no #Bicicultura2016, o maior
encontro nacional de mobilidade por bicicleta e cicloativismo, que
acontece de 26 a 29 de maio, com programação gratuita dividida pela
Galeria Olido, Theatro Municipal e Praça das Artes, no centro da cidade
de São Paulo. Um dos destaques é o show de Taciana Barros e Edgar
Scandurra que fazem parte do Pequeno Cidadão, dia 26, às 17h. Eles
trazem para a frente do Theatro Municipal um divertido repertório
musical que inclui a simbólica música Bici, Bike, Magrela.

Com atenção à diversidade de projetos, os espetáculos da programação
vêm de diferentes regiões do Brasil e trazem a bicicleta como
personagem. Entre as opções teatrais estão: o miniteatro Ciclistas Bonequeiros, que é realizado com bonecos e sob bicicletas. Há o Teatro de Fantoches Pé no Pedal e Lixo no Lixo,
realizado por um casal de cicloviajantes, com enredo que procura
despertar a consciência ambiental nas crianças. E o espetáculo Farrapo O Palhaciclista, um espetáculo de improvisação que utiliza o palhaço e a bicicleta como dramaturgia.

A literatura e contação de histórias também estão presentes no evento. Histórias Inclusivas
de Willian Gama explora narrativas que tratam dos temas de inclusão,
acessibilidade, educação, diversidade de gênero e cultura popular
brasileira de maneira poética. Outra opção pra quem gosta de leitura é a
seção Ciclopoesia – Roda de Poesia e Brincadeira, ou ainda a Bibliocirco,
uma biblioteca móvel dirigida por palhaços que realizam intervenções
literário-circenses. O livro e a bicicleta também são dupla central da Bicicloteca, uma biblioteca itinerante sobre duas rodas que promove acesso à leitura de crianças e jovens.

Para os pequenos interessados em colocar a mão na massa, tem o Projeto Rabisco e As Máquinas Revolucionárias,
um espaço de criação de livros, animações, bonecos e objetos
interativos. Idealizado pela artista Natalia Lemos, ele é uma grande
caixa de madeira sobre um triciclo, que leva pela cidade objetos
mecânicos que disparam diferentes propostas de interação por meio de
movimentos sensoriais e lúdicos, como “máquinas de acumular dor”, “de
observar o mundo com diferentes filtros de cor”, e até de “soltar um
desejo no universo”. A oficina Desenhar uma Bici ajuda as crianças a colocar no papel a imagem da tão sonhada bicicleta.

Quem quiser voltar no tempo, pode conferir a Exposição de Bicicletas Antigas pela Praça das Artes. E pra os interessados em aprender a andar de bicicleta nos grandes centros urbanos, pode participar da Escolinha de Bike Itaú, que ensinará crianças de 2 a 7 anos a pedalar nesses espaços.

Para conferir a programação completa, acesse: http://bicicultura.org.br/programacao/

Abaixo a programação infantil dia a dia:

PROGRAMAÇÃO INFANTIL
De quinta, 26 de maio, a domingo 29 de maio

Exposição de Bicicletas Antigas
26 a 29/5
9h30 às 17h
Praça das Artes – Área de Exposição

Quinta-feira, 26/5

Escolinha de Bike Itaú
26/5 – Programação Externa
Local: Theatro Municipal – Esquina
Horário: 9h às 17h
Essa é a mais nova inciativa do Itaú em mobilidade urbana nas cidades. A
novidade é que agora as crianças também poderão pedalar nas famosas
‘laranjinhas’. O projeto que tem como foco crianças de 2 a 7 anos de
idade, tem o objetivo ensinar aos pequenos como andar de bike em centros
urbanos de forma segura, colocá-los em contato com a rotina do trânsito
e suas regras e lidar de forma harmoniosa com a questão da mobilidade
urbana para auxiliá-los no desenvolvimento do papel de cidadão.

Ciclistas Bonequeiros
26/5 – Programação Externa
Local: Espaço Bicicletinha – Praça das Artes
Horário: 11h30 às 13h
Ciclistas bonequeiros é um grupo que atua pelas ruas de São Paulo desde
2011, com a pesquisa da técnica de Teatro Lambe-lambe (teatro de
miniatura). Unindo a consciência Urbana, o meio ambiente e o teatro de
bonecos.
“Ciclistas Bonequeiros” é uma ação feita para acontecer com bonecos e
sob bicicletas em miniteatros. A inspiração veio da técnica dos
fotógrafos de “Lambe-lambe”, onde assim como em nossas apresentações,
uma pessoa por vez assiste. O projeto é a junção de arte, consciência
urbana e meio ambiente, artistas/ciclistas sob um meio de transporte
alternativo e sustentável, a bicicleta, oferecerão arte, através de
performances com manipulação de objetos e bonecos. A apresentação segue a
trilogia: Uma Saga Macunaímica, inspirada no Livro Macunaíma, de Mário
de Andrade.

Show Taciana Barros e Edgar Scandurra – Pequeno Cidadão
26/5 – Programação Externa
Local: Frente do Theatro Municipal
Horário: 17h

Sexta-feira, 27/5

Rodas de Leitura
27/5 – Programação Externa
Local: Palquinho – Praça das Artes
Horário: 9h30 às 11h
O Rodas de Leitura é um coletivo que propõe uma ação cultural, ocupando,
de maneira criativa, o espaço público por meio da mediação de leitura,
despertando o prazer pelo ato de ler, em ambientes não convencionais,
usando a bicicleta como meio de transporte. Com isso, busca difundir e
fomentar a reflexão sobre a formação do leitor, a mobilidade urbana,
cicloativismo e o direito à cidade.

Teatro de Fantoches – Pé no Pedal, Lixo no lixo
27/5 – Programação Externa
Local: Praça das Artes
Horário: 14h às 15h30
É realizado por um casal que rodou de bicicleta o litoral brasileiro
ensinando sustentabilidade para crianças e despertando para a
consciência ambiental por meio do teatro de bonecos.

“Histórias Inclusivas” contação de histórias com Willian Gama
27/5 – Programação Externa
Local: Palquinho – Teatro das Artes
Horário: 14h às 14h30
Willian Gama é contador de histórias. De maneira poética explora os
temas de inclusão, acessibilidade, educação, diversidade de gênero e
cultura popular brasileira.

Teatro – Farrapo – o Palhacista
27/5 – Programação Externa
Local: Theatro Municipal – Frente
Horário: 16h às 16h30
Farrapo O Palhaciclista, é um espetáculo de improvisação que utiliza o
palhaço e a bicicleta como dramaturgia. O Palhaciclista preza por um
trabalho sustentável e democrático, refletindo sobre mobilidade, fazendo
uso da bicicleta como meio de transporte para se deslocar até o local
de apresentação. É também uma intervenção urbana, com interação com as
pessoas nas ruas e praças por onde passa. “A palhacicleta” transporta
todo material necessário para realização dos números circenses. Estreou
em 2014 e participou do “Pedala Ribeira” promovido pelo Aromeiazero e do
Encontro de arte do teatro de rua Teatro a Céu Aberto, ambos em
dezembro de 2015.

Sábado, 28/5

A ciclista (in)domada – Intervenção Itinerante
28/5 – Programação Externa
Local: Palquinho – Praça das Artes
Horário: 9h30 às 11h

Pedala Rabisco e as Máquinas Revolucionárias
28/5 – Programação Externa
Local: Palquinho – Praça das Artes
Horário: 14h às 15h30
Idealizado pela artista paulista Natalia Lemos, o Projeto Rabisco é um
espaço criativo de experiências artísticas e sinestésicas, no qual
nascem livros, animações, bonecos e objetos interativos. O “Pedala
Rabisco e as Máquinas Revolucionáras” é uma grande caixa de madeira
acoplada a um triciclo que leva pela cidade objetos mecânicos. E estes
disparam diferentes propostas de interação por meio de movimentos
sensoriais e lúdicos que possibilitam a desaceleração e desautomatização
das pessoas. Existem máquinas de acumular dor, de observar o mundo com
diferentes filtros de cor, de guardar uma recordação em um bolso do lado
esquerdo do peito, e até de soltar um desejo no universo.

Teatro de Fantoches – Pé no Pedal, Lixo no lixo
28/5 – Programação Externa
Local: Espaço Bicicletinha – Praça das Artes
Horário: 9h30 às 11h
É realizado por um casal que rodou de bicicleta o litoral brasileiro
ensinando sustentabilidade para crianças e despertando para a
consciência ambiental por meio do teatro de bonecos.

Ciclopoesia – Roda de Poesia e Brincadeira
28/5 – Programação Externa
Local: Espaço Ciclolab – Praça das Artes
Horário: 14h às 15h30

Ciclistas Bonequeiros
28/5 – Programação Externa
Local: Espaço Bicicletinha – Praça das Artes
Horário: 14h às 15h30
Ciclistas bonequeiros é um grupo que atua pelas ruas de São Paulo desde
2011, com a pesquisa da técnica de Teatro Lambe-lambe (teatro de
miniatura). Unindo a consciência Urbana, o meio ambiente e o teatro de
bonecos.
“Ciclistas Bonequeiros” é uma ação feita para acontecer com bonecos e
sob bicicletas em miniteatros. A inspiração veio da técnica dos
fotógrafos de “Lambe-lambe”, onde assim como em nossas apresentações,
uma pessoa por vez assiste. O projeto é a junção de arte, consciência
urbana e meio ambiente, artistas/ciclistas sob um meio de transporte
alternativo e sustentável, a bicicleta, oferecerão arte, através de
performances com manipulação de objetos e bonecos. A apresentação segue a
trilogia: Uma Saga Macunaímica, inspirada no Livro Macunaíma, de Mário
de Andrade.

Oficina Desenhar uma Bici
28/5 – Programação Externa
Local: Espaço Bicicletinha – Praça das Artes
Horário: 15h30 às 17h

Escolinha de Bike Itaú
28/5 – Programação Externa
Local: Theatro Municipal – Esquina
Horário: 9h às 17h
Essa é a mais nova inciativa do Itaú em mobilidade urbana nas cidades. A
novidade é que agora as crianças também poderão pedalar nas famosas
‘laranjinhas’. O projeto que tem como foco crianças de 2 a 7 anos de
idade, tem o objetivo ensinar aos pequenos como andar de bike em centros
urbanos de forma segura, colocá-los em contato com a rotina do trânsito
e suas regras e lidar de forma harmoniosa com a questão da mobilidade
urbana para auxiliá-los no desenvolvimento do papel de cidadão.

Teatro – Farrapo – o Palhacista
28/5 – Programação Externa
Local: Theatro Municipal – Esquina
Horário: 17h às 17h30
Farrapo O Palhaciclista, é um espetáculo de improvisação que utiliza o
palhaço e a bicicleta como dramaturgia. O Palhaciclista preza por um
trabalho sustentável e democrático, refletindo sobre mobilidade, fazendo
uso da bicicleta como meio de transporte para se deslocar até o local
de apresentação. É também uma intervenção urbana, com interação com as
pessoas nas ruas e praças por onde passa. “A palhacicleta” transporta
todo material necessário para realização dos números circenses. Estreou
em 2014 e participou do “Pedala Ribeira” promovido pelo Aromeiazero e do
Encontro de arte do teatro de rua Teatro a Céu Aberto, ambos em
dezembro de 2015.

Domingo – 29/5

Rodas de Leitura
29/5 – Programação Externa
Local: Palquinho – Praça das Artes
Horário: 11h30 às 13h
O Rodas de Leitura é um coletivo que propõe uma ação cultural, ocupando,
de maneira criativa, o espaço público por meio da mediação de leitura,
despertando o prazer pelo ato de ler, em ambientes não convencionais,
usando a bicicleta como meio de transporte. Com isso, busca difundir e
fomentar a reflexão sobre a formação do leitor, a mobilidade urbana,
cicloativismo e o direito à cidade.

The following two tabs change content below.

maecomfilhos

Latest posts by maecomfilhos (see all)

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *