Sol,mar,férias e ela: DERMATITE!

Dizem que “ser mãe é padecer no paraíso” , e me peguei pensando nesta frase, nestes últimos dias. 
Sempre conto sobre a escolha que fiz, de me tornar mãe! Planejei o momento, curti todo período da gestação, procurei me informar sobre como poderia favorecer que o parto do Gabriel fosse normal.

Até que descubro o 1º momento onde essa frases fez enorme sentido: era 20 de Outubro, faltava um mês exato para ele nascer… 

Mas… rs ele nasceu exatamente neste dia 20 de Outubro , de 8 meses! O parto foi normal, ele quase nasceu antes de eu ser semi anestesiada! Me lembro de ligar para meu pai , minha irmã contando plena 3h da manhã que o Gabrielzinho em breve chegaria ao mundo! 
Foi o primeiro “susto” ! E tudo deu muito certo! 
A medida que nossos filhos vão crescendo, vivemos porções pequeninas de descobertas! Muitas incríveis e fascinantes como quando eles começam a dizer as primeiras palavrinhas! Ou quando dão seus primeiros passinhos! 
E existe também, os momentos onde nos sentimos absolutamente perdidas! Já passei alguns pequenos apuros com meu pequeno, no entanto escolhi dividir com vocês algo que me deixou bastante angustiada e aflita nos últimos tempos.
Desde que o Gabriel completou 7 anos, percebi que ele coçava bastante os cantinhos do braço e dobrinha das pernas. Eu olhava e não percebia nada de anormal , apenas um pouco de suor algumas vezes. Lavava e secava e melhorava. 
Quando o clima se mantinha mais quente e seco, esses sintomas passaram a se agravar. A coceira era maior e ele a sentia também nas costinhas. Ainda não havia nada que denotasse algum probleminha em sua pele. Passei a dar banhos mornos e fazer hidratação. O que aliviava muito os sintomas. 
No entanto, em Dezembro, Natal, Ano Novo! Clima de sol quente! Viajamos ele se divertiu muito mas, a pele, bronzeadinha do sol coçava ainda mais e passou a ficar vermelhinha.Além disso, ele estava resfriadinho e com dor de cabeça. Voltei com ele para São Paulo ( estávamos em um Sítio com a família ) passamos no PS e ele estava com início de sinusite. Foi medicado com antibiótico. 
Medicado, lá fomos para casa. Quando passa cerca de 2h ele começa a se coçar demais e a pele fica irritada. Eu logo imagino ser reação alérgica! Vooei para o PS novamente e sim, reação alérgica. Analisando todos os fatores, a pediatra resolve trocar o antibiótico ( reação alérgica de algum componente do remédio ) e enfim, tudo começa finalmente a ficar bem. 
De toda forma, resolvi marcar um DERMATOLOGISTA para saber sobre a coceira que ele sentia pelas dobrinhas de braços , pernas e com o antibiótico se agravou para barriguinha e costas. Ele examinou o Gabriel e fez o diagnóstico: 
Eu estava descobrindo um novo universo! De maneira muito simples, trago para vocês o que é a Dermatite Atópica: 
“A dermatite atópica, também conhecida como eczema atópico, é um problema de pele comum em bebês e crianças, mas que também pode acometer adultos.
Quando a doença foi descrita, imaginava-se que ela era uma espécie de alergia da pele, relacionada a outras atopias, como a rinite alérgica, asma e a alergia alimentar; daí o nome dermatite atópica.“*

As recomendações** feitas pelo dermatologista foram relativamente simples, mas bastante desafiadoras quando a aplicação delas envolve a rotina e dia a dia da criança: 

* Tomar banhos rápidos com água morna. Banhos rápidos de imersão podem evitar a estimulação da coceira que a ducha provoca. Usar toalhas macias e enxugar a pele com delicadeza;
* Dar preferência a sabonetes líquidos e infantis. Sabonetes de glicerina ressecam ainda mais a pele;
* Aplicar hidratante logo depois do banho. Repetir a hidratação mais duas ou três vezes no decorrer do dia;
* Evitar irritantes como amaciantes, branqueadores e detergentes. Enxaguar várias vezes a roupa para retirar o sabão. Não usar tecidos sintéticos ou de lã, nem roupas novas sem antes lavá-las e remover as etiquetas;
* Evitar carpetes, cortinas, móveis estofados, brinquedos e enfeites de tecido ou pelúcia;
* Não coçar a pele.

Eu e Gabriel falamos bastante sobre a importância dos pequenos cuidados. Para alguma crise específica de coceira foi prescrito um xarope antialérgico e para alguma feridinha que aparesse na pele em decorrência da coceira, uma pomada específica. 

Passamos 1 ano, sem reincidencia de crises, Os cuidados valeram muito a pena! 

Até que mais um Ano Novo chegou! E nos últimos dias de férias do meu pequeno #aos8 Gabriel fomos passar o final de semana na PRAIA
Dias de sol lindo! Muito calor! Íamos para praia pela manhã, brincamos na areia, no mar. Tudo com a devida proteção solar ( Fator 60 )  e muito guardo-sol! 

Por lá, tudo esteve bem: foi um final de semana especial! 

No entanto, a pele voltou a coçar. Eu imaginei em um primeiro momento que fosse em decorrência do bronzeado que ele ganhou, e hidratei como sempre faço. Mas, dessa vez a coceira se espalhou eu vi a pele das costinhas e dos braços arrepiadas! Bem sequinhas de verdade! 

Lá fomos nós hoje, pela manhã, a PEDIATRA ( Excelente , compreendeu a urgência e abriu um espacinho para encaixe : ) logo que ela examina a pele diz: “Mamãe , é dermatite atópica!”  ( Ela é uma nova pediatra ainda não sabia sobre o diagnóstico feito pelo Dermatologista. ) 

Expliquei para ela que já sabia, mas queria saber se há alguma outra forma de tratar quando a pele fica tão seca e áspera a ponto de ele não suportar a coceira. 
Ela começa a mencionar os cuidados que precisamos ter para controlar essas “crises” : 

 * Tenha cuidado com o que usa na pele antes de ir à praia. 

* Dependendo da noite anterior, tome um banho ou lave bem as mãos e os braços.

* Peça para alguém limpar bem a casa de praia antes de ir e leve travesseiros e roupas de cama de casa (os de lá podem estar mofados)

*Se surgir alguma coceira ou vermelhidão na pele, tome logo banho para remover os resíduos do que pode estar em contato com a pele. Passar hidratante pode melhorar a irritação. Se tiver muita coceira, tomar um antialérgico ajuda a melhorar.

* Para evitar a conjuntivite que se espalha no verão, de origem viral, não toque em quem está infectado.

E então ela cita algo que eu não sabia: “Fotodermatites é uma dermatite (inflamação da pele) que aparece depois da exposição ao sol, e que tem a forma da área da pele que se expôs ao sol, poupando as áreas cobertas. A causa pode ser algo que se passou na pele antes da exposição solar ou algo que e ingeriu (geralmente remédios) e se “acumulou” na pele, provocando reação quando exposto à luz solar.”

Dá para acreditar? Eu não fazia ideia disso! Meu coração se sentiu dividido entre: o alívio em descobrir o que se passa e como tratar, e a dor de não ter evitado e tomado ainda mais cuidado com o nosso passeio na praia. 

Existe por exemplo, roupas e acessórios com PROTEÇÃO SOLAR. No caso do Gabrielzinho elas serão essenciais daqui para frente. 
Com as recomendações e orientações feitas pela excelente e atenciosa Drª.Marli , pediatra do Biel, fomos comprar as medicações indicadas e um creme hidratante específico para cuidar da pele e cessar as crises. ( São hidratantes especiais indicados para quem possuí a pele bem seca, e em alguns frascos mencionam inclusive a indicação específica para Dermatitite Atópica. )
Através das demais mamães aqui do Blog “MãesComFilhos”  soube de alguns hidratantes alternativos ao indicado pela pediatra, com resultados excelentes. Esses hidratantes possuem um valor diferenciado e vou pesquisar bastante para descobrir uma forma de manter a saúde do meu filho em dia, com custo benefício mais favorável possível! 
Ufa! Esse foi meu pequeno “desabafo”. Resolvi compartilhar por aqui sobre esse “apuro” porque tudo isso aconteceu e eu me senti muito PERDIDA a principio, O que me ajudou DEMAIS , foram as conversas com mamães amigas do do meu convívio diário que tinham algum caso parecido na família ou conhecido. Fui mantendo a calma tendo o apoio delas inclusive no sentido de “desabafar” a dor de ver o meu pequenininho sofrendo… 

Tudo está bem agora! Gabriel segue se recuperando por aqui! 

Voltamos a viver no PARAÍSO! <3 
Um abraço (nosso) , com muito carinho! 

 * http://www.mdsaude.com/2014/05/dermatite-atopica.html
** http://drauziovarella.com.br/drauzio/dermatite-atopica-2/

The following two tabs change content below.

maecomfilhos

Latest posts by maecomfilhos (see all)

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *