Feriadão é sinônimo de praia e piscina e exige cuidados extras!

Na praia, na piscina ou mesmo no playground do condomínio ou quintal de casa, é importantíssimo cuidarmos muito do tempo de exposição das crianças ao sol e ao calor. 
E especialmente nestes dias de folga, a gente fica mais “mole” né? Mas é quando precisamos redobrar os cuidados em relação ao sol, alimentação, vestuário e acidentes.
Como em quase tudo, as crianças são mais sensíveis aos raios solares do que os adultos, e por isso é preciso adotar hábitos especiais para os pequenos. 
Então, mesmo que sua família não vá para o litoral, valem alguns cuidados:
➡️ Acima de 6 meses: evite o sol entre 10 e 16 horas (17h se for horário de verão, né?) e mesmo nestes horários proteja a criança com chapéus (que ajude a proteger as orelhas, nariz e lábios) e roupas leves.
➡️ Nada de filtro solar ou exposição ao sol em horário desaconselhado com menos de 6 meses de idade. Assegure-se de que há sombra total nos carrinhos e na cadeirinha do carro. Quando sair na rua, use sempre sombrinhas para o sol.
➡️ Não se iluda com dias nublados, pois os raios solares perigosos atravessam as nuvens e a neblina. E lembre-se que a luz do sol reflete na areia, no concreto e na água, atingindo a pele, mesmo na sombra.
➡️ Os melhores filtros solares para crianças são os de fator de proteção solar 30 (FPS 30) ou maior, também chamados de bloqueadores solares e devem ser aplicados 30 minutos antes da exposição, para aumentar o poder de absorção. Reaplique a cada 2 horas, principalmente quando a criança for à água ou transpirar muito.
➡️ Se mesmo com os cuidados houver queimaduras, fique de olho: vermelhidão e ardência leves podem ser resolvidos com um banho quase frio e hidratante, mas, se a queimadura parecer mais grave, ou surgirem sinais como moleza excessiva e febre, dê bastante água fria e procure atendimento médico.
➡️ Cuide-se também, afinal, se você adoecer, como ficam as crianças? É importante escolher o protetor solar ideal para cada pessoa: quanto mais claro o tom da pele, mais forte deverá ser o fator de proteção. E vale lembrar que até adultos de pele morena e negra, mais resistentes aos efeitos do sol, precisam de cuidados. 
🙂
The following two tabs change content below.

maecomfilhos

Latest posts by maecomfilhos (see all)

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *